Arquivo para maio 28th, 2007




O amor… Quer entendê-lo? Procura vivê-lo!

Fernando Pessoa

O Amor

O amor, quando se revela, 
Não se sabe revelar. 
Sabe bem olhar p’ra ela, 
Mas não lhe sabe falar. Quem quer dizer o que sente 
Não sabe o que há de *dizer. 
Fala: parece que mente 
Cala: parece esquecer 

Ah, mas se ela adivinhasse, 
Se pudesse ouvir o olhar, 
E se um olhar lhe bastasse 
Pr’a saber que a estão a amar! 

Mas quem sente muito, cala;
Quem quer dizer quanto sente 
Fica sem alma nem fala, 
Fica só, inteiramente! 

Mas se isto puder contar-lhe 
O que não lhe ouso contar, 
Já não terei que falar-lhe 
Porque lhe estou a falar…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *
Engraçado como as coisas ganham significado na vida da gente. Um aniversário de um amigo( Wagner Moura), sua namorada ( minha amiga Jana) declamou este poema a seu amado. Nossa achei muito lindo!
Quem derá os amores fossem todos como nos nossos sonhos ou que nossos sonhos fossem que nem nossos amores? Não sei. Só sei que amo, e isso me alimenta e ainda não sei viver de outro jeito… Sem amor as coisas perdem o sentido, o valor, o significado. Como já dizia Dante Aliguieri: “O amor me move: só por ele eu falo”.
Tem coisas que nunca descobriremos o por quê, não cabe a nós entender, mas aceitar e conviver, assim é com o amor. Doce amor. Mas… “Vivemos esperando o dia em que seremos, melhores no amor, melhores na dor, melhores em tudo”. Eu sei que espero. “Espero no Senhor”. “Por que dele é por ele para são todas as coisas “. E como um palavra que recebi dos céus está semana: “Não desperteis o amor antes que ele o queira”.( Cântico dos cânticos)
E acabo minha breve fala com um trecho de uma canção…
Por ser exato
O amor não cabe em si
Por ser encantado
O amor revela-se
Por ser amor
Invade
E fim

Anúncios

1 comentário maio 28, 2007

Páginas

Categorias

Links

Meta

Agenda

maio 2007
S T Q Q S S D
    jun »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Posts by Month

Posts by Category